domingo, 19 de junho de 2011

Falando de corruptos

As afirmações estão no site da RTP:


«O ex-vice-presidente da Câmara do Porto Paulo Morais afirmou sexta-feira à noite, no Porto, que "o centro de corrupção em Portugal tem sido a Assembleia da República, pela presença de deputados que são, simultaneamente, administradores de empresas".


"Felizmente, este parlamento vai-se embora. Dos 230 deputados, 30 por cento, 70, são administradores ou gestores de empresas que têm diretamente negócios com o Estado", denunciou Paulo Morais, num debate sobre corrupção organizado pelo grupo cívico-político Porto Laranja, afeto ao PSD.


Para o professor universitário, o parlamento português "parece mais um verdadeiro escritório de representações, com membros da comissão de obras públicas que trabalham para construtores e da comissão de saúde que trabalham para laboratórios médicos.»


É inacreditável! Mas, a verdade é que foram estes senhores, que legislaram de forma a que os Arquitectos das Câmaras Municipais não possam trabalhar de forma independente e honesta, “obrigando-os” a viverem com mil e poucos euros mensais.


São estes Senhores que nos chamam corruptos!


Foram estes Senhores que criaram Comissões para nos ensinarem “boas práticas”!


São estes Senhores que nos obrigam a pagar quotas à Ordem dos Arquitectos apesar de nos proibirem a actividade privada!


São estes Senhores que nos impõem a exclusividade sem qualquer pagamento!


Até quando vamos continuar a suportar esta situação?


Até quando???



1 comentário:

joão amaro correia disse...

ui, maçonaria strikes back, em rosto humano.

j